Header Ads

Ex-prefeito de Petrolina é cobrado no facebook por suposta divida

As redes sociais bombaram nesse sábado, (20), após uma publicação de um internauta na rede social facebook, após Júlio Lóssio postar um foto com o seguinte texto abaixo;

Cheguei aos EUA essa semana para iniciar um curso na área de políticas públicas pelas próximas 6 semanas. Hoje, porém, o comentário geral girou em torno do Brasil e a grande crise política e moral que vive a nossa Nação. Peço a Deus que mantenha nossas instituições fortalecidas para que possamos fazer essa travessia, certamente dolorosa, mas com esperança de dias melhores. Os fatos até agora revelados tornam insustentável a permanência do governo e, mais uma vez, caminhamos para ver um Presidente não concluir seu mandato. Dessa vez, contudo, sem que haja qualquer dúvida de que isso é necessário.


A Constituição deve ser sempre respeitada. Mas estamos mergulhados em uma situação de tamanha gravidade política que precisamos defender a realização imediata de eleições diretas para Presidente, pois só o voto popular poderá restaurar a legitimidade do poder.


Oque o ex-prefeito não esperava era ser cobrado por uma suposta divida   na rede social, veja a imagem e o texto abaixo.

 



Tem pessoas que dormem e não pensam no mal que fazem para outra pessoa.

Será que a consciência dessa pessoa não tem pesadelos quando lembra que recebeu o dinheiro da mercadoria da licitação e não pagou a pessoa que entregou a mercadoria, será que está pessoa ao se alimentar, dormir, não pensa que fez mal a outra pessoa? Será que seus filhos, esposa, não vê este crime e não comenta aconselhando a seu pai e esposo para pagar os 700.000,00 que deve e que não pagou porque ficou com o dinheiro alheio. Como vive está família sabendo quanto o pai ou marido não só deu calote das fardas mais também de som que deve desde o são João que fez e não pagou ao músico. E triste mais este dinheiro você é sua família comeu mais não vai ficar na paz, porque eu não vou deixar.



Com a palavra de defesa o ex-prefeito Júlio Lóssio;

E-MAIL: contato@blogpetrolina.com